Você sabia que o tiger era o gato da filha do Bruce Scott?

Publicado: terça-feira, junho 19, 2007 em História

Pois, é. Precisou a Oracle completar 30 anos no último 16 de junho para eu aprender isto. O Bruce Scott escreveu os códigos das primeiras versões do Oracle junto com o Bob Miner, que morreu de câncer em 1994.

Meu primeiro contato com o banco de dados Oracle foi com a versão 5.3 preparando uma cotação para um projeto que infelizmente não ganhei. Mas como muitos de nós que trabalhamos com TI, já ganhei um bom dinheiro com projetos usando o Oracle. Por isto fui procurar saber um pouco da história dele e do Larry Ellison.

Disse o Larry Ellison em uma entrevista a Nicole Ricci em 1998:

“Realmente, quando fundei a Oracle, o objetivo nunca foi chegar a ser uma grande empresa. No máximo esperava ter umas 50 pessoas na empresa e viver bem. Depois de 5 anos, ficou claro que os horizontes eram ilimitados. Os únicos limites erámos nós.”

O próprio Bruce Scott contou em entrevista ao Rich Niemiec em 2001:

“Precisávamos ligar nossos terminais ao computador na sala ao lado e ainda não tínhamos idéia de como passar os fios. Larry pegou uma marreta, abriu um buraco na parede e disse: agora já podem passar os fios. Era o modo de pensar dele: fazer a coisa acontecer de qualquer jeito”.


Vamos ver um pouco da história dos bancos de dados relacionais antes da Oracle

1970 –Dr. Edgar Codd publica A Relational Model of Data for Large Shared Data Banks, sua teoria de modelagem relacional de dados.

1972 – Michael Stonebraker começa a desenvolver o que viria a ser o INGRES. Junto com Eugene “Gene” Wong e outros, incluindo estudantes, usam QUEL ao invés de SQL no Ingres. (Em 1985 o Stonebraker ainda em Berkeley, criou o Post-Ingres, isto é, o Postgres que virou PostgreSQL a partir de 1996).

1976 – Stonebraker, Wong, Kreps e Held publicam na ACM: The Design and Implemenation of INGRES. Percebe-se alguma hostilidade entre Berkeley e o grupo IBM.

1974 – Os estudantes de Berkeley, Jerry Held e Karel Youseffi criam o NonStopSQL (Tandem) baseado no Ingres. Robert Epstein, programador chefe em Berkeley, junto com os estudantes Paula Hawthorne, Mike Ubelland e Eric Allman, formam a Sybase.

Alguns fatos dos primeiros 10 anos da Oracle

1977 – Com 2000 dólares, Larry Ellison, Bob Miner, Ed Oates e Bruce Scott criam a Software Development Laboratories (SDL). O Bob era o chefe do Larry na Ampex onde trabalharam para a CIA em um projeto chamado “Oracle”. Bob e Bruce começam a desenvolver o database.

1978 – A CIA é o primeiro cliente, mesmo antes do produto ser lançado comercialmente. Depois a SDL muda o nome para Relational Software Inc. (RSI).

1979 – RSI faz o primeiro lançamento comercial da versão 2. A V1 nunca saiu por medo de que as pessoas não comprassem software na primeira versão. A base de dados foi escrita em Assembler. A primeira venda foi para Wright-Patterson Air Force Base. Foi o primeiro RDBMS do mercado.

1981 – Lançada a primeira ferramenta, Interactive Application Facility (IAF), predecessora do futuro Oracle SQL*Forms.

1982 – RSI muda de nome para Oracle Systems Corporation (OSC) e depois simplificado para Oracle Corporation.

1983 – Lançada a Versão 3, escrita em C para ser portável. O genial Bob Miner, enquanto ainda suportava a versão V2 escrita em Assembler, escreve metade do código e o Bruce Scott a outra metade. Trata-se do primeiro RDBMS 32-bit.

1984 – Lançada a Versão 4 já com várias ferramentas e primeiro database com consistência de leitura. O Oracle foi portado também para o PC.

1985 – Lançadas as Versões 5 e 5.1 e o primeiro database Parallel Server para o VMS/VAX.

1986 – Oracle faz uma oferta pública de ações em 12 de março, um dia antes da Microsoft e 8 dias depois da Sun. As ações abriram a US $15 e fecharam a US $20.75. É lançado o primeiro database client/server.

1987 – Oracle é a maior empresa de DBMS. Aparece o primeiro database SMP (symmetrical multi-processing).

1987 – Rich Niemiec junto com Brad Brown e Joe Trezzo, trabalhando para a Oracle (TUSC), implementam a primeira aplicação client/server rodando Oracle em um 286 com 16 usuários concorrentes client/server para a NEC Corporation.


O resto da história vocês podem conferir em:

http://www.nyoug.org/Presentations/2007/200703_Niemiec_Keynote.pdf

http://www.oracle.com/oramag/profit/07-may/p27anniv_timeline.pdf


Parabéns Oracle.

Como velejador só posso dizer: Bons Ventos Larry Ellison.

comentários
  1. Fernando disse:

    Nesse link aí a história faltou colocar depois de 1996 — Oracle7.3 lançado. esse pequeno detalhe copiando o conceito de triggers da Sybase. Bom, e quem não copia hoje em dia? =)

  2. Anonymous disse:

    Além de copiar os triggers do Sybase, a Oracle copiou (e mal) os Datablades do Informix no que chamou de DataCartridges. Os Datablades sao responsaveis pela extensibilidade de um RDBMS. Permitem a definicao de novos tipos de dados.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s